Nesta semana, a SES (Secretaria Estadual da Saúde) do Rio Grande do Sul pagou mais R$ 42 milhões a fornecedores de medicamentos distribuídos pelo SUS (Sistema Único de Saúde) no Estado. O Palácio Piratini informou que a medida manteve a regularidade nos repasses referentes a 2019.

Já haviam sido destinados, na sexta-feira passada, outros R$ 40 milhões aos municípios e R$ 70 milhões aos hospitais. Com isso, o governo gaúcho ressalta ter aplicado mais de R$ 843 milhões na área da saúde em 2019.

Desse total, R$ 189 milhões foram destinados a municípios para o custeio de programas como as ESF (Equipes de Saúde da Família), Política de Incentivo da Assistência Básica, Redes de Urgência e Emergência (Samu), Assistência Farmacêutica Básica e PIM (Primeira Infância Melhor).

Já a área hospitalar recebeu neste ano R$ 510 milhões relativos a contratos, convênios, resoluções ou portarias, bem como R$ 144 milhões para pagamentos de medicamentos, por via administrativa ou judicial.

No mês passado, o governo do Estado depositou a primeira parcela da dívida com as prefeituras referente aos exercícios de 2014 a 2018. O primeiro pagamento, em um montante de R$ 14,5 milhões, quitou toda a dívida empenhada com 385 municípios entre os anos de 2014 e 2017.

“Já as 15 parcelas restantes quitarão a dívida do exercício de 2018 com prefeituras e hospitais municipais, que totaliza cerca de R$ 200 milhões”, frisou o site oficial www.rs.gov.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *