•  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Protocolos e restrições passam a valer nesta sexta-feira (31) e atingem supermercados, restaurantes e estabelecimento comerciais.

Para conter o avanço de casos da Covid-19, a Prefeitura de Uruguaiana vai adotar novas medidas preventivas e de controle à pandemia no município. A decisão foi tomada após avaliação técnica do Comitê de Contingenciamento. As providências passam a valer nesta sexta-feira (31) e impõe novos protocolos de higiene e restrições a supermercados, restaurantes, bares, lancherias e estabelecimentos bancários.

O crescimento no número de pacientes com teste positivo e o registro do primeiro óbito motivaram a determinação. “Mesmo antes de ser decretada a pandemia, começamos a nos preparar. Tomamos providências e medidas muito duras lá atrás. Infelizmente, estamos observando um aumento nos casos e por isso é fundamental a imposição de novas restrições em nossa cidade”, salientou o prefeito Ronnie Mello.

Para o cardiologista do Hospital da Santa Casa, Fábio Mota, restringir o fluxo de cidadãos é uma das principais medidas tomadas. “Devemos reduzir ao máximo a circulação de pessoas nas ruas ou em locais fechados”, explica. A opinião é compartilhada pelo infectologista Felipe Zancan. “No estágio atual, temos que tomar essa iniciativa”, reforça. 

Barreiras sanitárias reforçam combate à Covid-19.

O combate à Covid-19 ganhará o reforço. A Secretaria Municipal de Saúde vai promover barreiras sanitárias com intuito de fiscalizar e orientar a comunidade sobre o contágio do coronavírus. De acordo com a titular da pasta, Lilian Stumm, equipes formadas por técnicos de enfermagem e fiscais da Prefeitura e do Exército brasileiro visitarão bairros e o interior do município para levar informações acerca da pandemia. A ação ocorrerá aos finais de semana. “Os números registrados nos últimos meses demonstram que a comunidade não costuma buscar os Centros de Triagem aos finais de semana. Por isso, vamos levar os profissionais até as pessoas por meio de equipes itinerantes. Desta forma, os centros funcionarão de segunda a sexta e as equipes volantes atuarão aos sábados e domingos”, explicou a secretária.

Confira as principais definições que constam no novo decreto municipal nº.402/2020:

Estabelecimentos Comerciais:

Deverão funcionar até às 22h, com exceção de farmácias e serviços de assistência à saúde humana e animal. 

Supermercados:

– Redução drástica do número de ocupantes (até 300 pessoas a partir de estabelecimento com mais de mil metros quadrados de área disponível para circulação).

– Cobrar disponibilidade de funcionário para que execute aferição de temperatura dos clientes e controle interno de filas. Os supermercados deverão colocar em prática a aferição da temperatura dos clientes em no máximo sete dias. 

– Permitir o ingresso de até duas pessoas por núcleo familiar.

– Vedar o ingresso de menores de doze anos no interior dos estabelecimentos, mesmo na presença dos pais.

– reiterar a importância da higienização de carrinhos de supermercados, que deve ser exigida após cada utilização por parte dos clientes.

– Álcool em gel deve ser disponibilizado em larga escala, principalmente nas entradas dos estabelecimentos. Essa disponibilização deverá ser em forma de totem com pedal e higienização das mãos com álcool gel.

Restaurantes, bares, lancherias e similares: 

– Funcionamento autorizado até às 22h. Após, fechamento com prazo máximo de até uma hora de permanência para clientes que haviam ingressado no ambiente antes do horário de encerramento das atividades.

– Limite de até quatro pessoas por mesa.

– Vedada a utilização de mesas na calçada, incluindo nesse contexto trailers, food trucks ou em qualquer tipo de venda de alimentação ou bebida em veículos móveis.

– Após o fechamento dos estabelecimentos será permitida a venda de produtos apenas no sistema de tele entrega.

– No caso de plantões de bebidas 24h, o fechamento desses estabelecimentos se dará às 22h. Também poderão atender, após o horário de fechamento, pela modalidade de tele entrega. 

Áreas de práticas esportivas:

Fica proibido o consumo de bebidas alcoólicas nas dependências dos clubes sociais e similares destinados à prática esportiva, quando permitido o seu funcionamento.

Receitas médicas: 

Prorrogar até o prazo em que perdurar a calamidade pública as receitas médicas ou odontológicas dos pacientes que utilizam medicamentos contínuos no âmbito do Sistema Único de Saúde.

A publicação completa do decreto nº.402/2020: está disponivel no site www.radio104.fm.br

https://radio104.fm.br/wp-content/uploads/2020/07/DECRETO-N.º-4022020-URUGUAIANA-RS-1.pdf

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *