•  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Comissão de Implantação do Sistema de Controle do Espaço Aéreo (Ciscea) concluiu a fase de testes da 1ª Estação Meteorológica de Altitude Automática (EMA-A) no Destacamento de Controle do Tráfego Aéreo de Uruguaiana. Foi realizada a substituição da estação convencional por uma automática, a primeira do Sistema de Controle do Espaço Aéreo Brasileiro e da América Latina, que permite a otimização do efetivo de meteorologistas e uma maior disponibilidade de informações para a previsão e vigilância.

Conforme o Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea) da FAB, as estações automáticas destinam-se a coletar e processar os dados, especialmente de temperatura, umidade e pressão, desse a superfície até níveis superiores da atmosfera, utilizando-se de sinais enviados por radiossonda lançada e acoplada a balão meteorológico. Os valores de direção e velocidade do vento são calculados a partir do posicionamento dos balões. Estes são automaticamente lançados duas vezes por dia e podem atingir altura de 10.000 a 15.00 metros e se deslocar até 300 quilômetros. Segundo o Decea, a implantação de estações automáticas possibilita a manutenção da prestação do Serviço de Meteorologia Aeronáutica, reduzindo a logística e a necessidade de fixação dos recursos humanos em locais remotos.

Fonte: Correio do Povo

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *